Quarta-feira, 22/ Novembro/ 2017
Veja as ultimas Noticias
H1N1 faz primeira vítima de morte no sul goiano, em 2016. Gestante morre em decorrência da Gripe A, em Caldas Novas

H1N1 faz primeira vítima de morte no sul goiano, em 2016. Gestante morre em decorrência da Gripe A, em Caldas Novas

A Secretaria Municipal de Saúde de Caldas Novas deu publicidade ao Laudo Técnico que foi expedido pelo Laboratório de Saúde Pública Dr. Giovanni Cysmeiros, da Secretaria de Estado da Saúde de Goiás, no qual fica confirmado que a morte da jovem Débora Cristina Rosa, de 19 anos, foi mesmo ocasionada por complicações decorrentes do vírus Influenza “A”, categoria H1N1.

Jovem mãe morre em decorrência da Gripe "A" H1N1

Jovem mãe morre em decorrência da Gripe “A” H1N1, em Caldas Novas

Gripe

Laudo confirma morte em decorrência da Gripe “A” H1N1, em Caldas Novas

De acordo com a documentação encaminhada à época, a Secretaria Municipal de Saúde de Caldas Novas reiterou que todos os métodos e procedimentos foram tomados para tratar a paciente, não ocorrendo, em nenhuma hipótese, qualquer tipo de negligência ou omissão dos profissionais da referida Secretaria de Saúde de Caldas Novas.

Os menores preços. Comprovado!

Os menores preços. Comprovado!

O coordenador de Vigilância Epidemiológica José Neto informa que mesmo com o caso de morte confirmado para H1N1, não há motivo para alarde, pois, segundo ele, trata-se de um caso isolado.

Ele explica ainda que as providências necessárias já foram tomadas para bloquear a expansão do vírus, e que a vacinação ocorrerá regularmente através do programa do Ministério da Saúde a partir do dia 30 de abril para a população vulnerável: crianças com idade de até 5 anos, idosos acima de 60, gestantes e pessoas com doenças crônicas, mediante avaliação médica.

Fale com o Jurandir que garante o melhor negócio

Fale com o Jurandir que garante o melhor negócio

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*