Domingo, 14/ Agosto/ 2022
Veja as ultimas Noticias
Homem que matou mulher em Pontalina se apresenta à Polícia em Morrinhos

Homem que matou mulher em Pontalina se apresenta à Polícia em Morrinhos

Policiais civis de Pontalina estiveram em Morrinhos para fazer a transferência de Fábio Júnior Rodrigues Vieira, de 29 anos, que se apresentou à autoridade policial na delegacia de Morrinhos.

Na quarta-feira, 24/02, acompanhado de seus advogados, ele se apresentou ao Delegado Fabiano Jacomelis.

Fábio Júnior é suspeito dos crimes de homicídio qualificado e tentativa de homicídio. Havia sido pedido pelo delegado Patrick Carniel e foi expedido pela Justiça o mandado de prisão temporária contra Fábio, e que então foi cumprido após ele ter se apresentado por espontânea vontade à Polícia Civil.

De acordo com a Polícia Civil de Pontalina, no dia 17/02/2016, Fábio Júnior teria ficado transtornado na fazenda onde morava com a família, situada na zona rural de Pontalina e atirou contra a esposa dele, matando-a.

A polícia informou que o motivo de sua fúria seria a decisão de seus familiares de mudarem um gado de pasto. Quando chegou à fazenda e deparou-se com a mudança, Fábio foi até uma das residências, pegou uma espingarda e saiu efetuando disparos contra os que ali estavam.

Fábio Júnior é o suspeito de ter matado a esposa, Lirian Gonçalves da Cunha, de 33 anos. Segundo testemunhas disseram à polícia ela morreu de joelhos implorando pela vida, porém, Fábio Júnior nega essa versão.

A polícia informou que após matar Lirian, FABIO JUNIOR ainda disparou duas vezes contra sua avó, de 80 anos de idade, porém, não a matou porque nas duas vezes a arma falhou.

Na sequência desses fatos, FABIO JUNIOR também tentou matar um amigo que havia levado para a fazenda, mas o disparo não o atingiu.

As testemunhas contam que após esses crimes, FABIO JUNIOR se embrenhou na mata, em uma região bastante acidentada. Ele levava consigo a espingarda e um facão.

Segundo a polícia isso causou grande medo aos fazendeiros da região, vez que ele estava em local incerto e armado.

Fonte: Polícia Civil

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*