Sábado, 18/ Janeiro/ 2020
Veja as ultimas Noticias
HOMICÍDIO: Polícia Militar registra segundo assassinato em Morrinhos, neste 2016

HOMICÍDIO: Polícia Militar registra segundo assassinato em Morrinhos, neste 2016

O primeiro mês do ano ainda não terminou e as polícias já registraram dois assassinatos em Morrinhos, neste 2016.

O primeiro foi um latrocínio – quando o assassino mata a vítima para praticar um roubo. Foi na sexta-feira, 22/01, com o encontro do cadáver no dia seguinte, na fazenda Bom Jardim da Barra. Dois suspeitos foram presos e segundo o delegado Fabiano Jacomelis, eles confessaram o crime e disseram ter matado para roubar o dinheiro da vítima.

Toda quarta-feira é dia de pizza em dobro - aproveite!!!

Toda quarta-feira é dia de pizza em dobro – aproveite!!!

O segundo assassinato parece ter sido um homicídio em decorrência do envolvimento com drogas. Passava pouco das 21 horas de sábado, 23/01, quando o telefone do COPOM da 10ª CIPM tocou.

Uma pessoa informava à Polícia Militar sobre ter ouvido disparos de arma de fogo e gritos de socorro próximo à Rua Boiadeira do setor JK, e à Rua 08 do Jardim América.

Ao chegar no local, os policiais encontraram o corpo de um homem de 21 anos, caído no mato, aproximadamente uns 17 ou 20 metros da rua 08.

Hom Lucas edit - 05

O corpo de bombeiros também foi acionado, mas já encontrou o homem sem vida, com o corpo apresentando ferimentos por arma de fogo.

A vítima não portava documentos, e a suspeita é de que seja Lucas Alves da Silva, de 21 anos. Familiares estiveram no local e o reconheceram.

Próximo ao local do crime a Polícia Militar encontrou uma bicicleta que provavelmente era usada por Lucas. Ela estava caída na margem da rua 08, a aproximadamente 80 metros de onde o corpo foi encontrado.

Hom Lucas edit - 04

Junto à bicicleta havia dois pares de chinelos de borracha. A polícia acredita que um deles possa ser do autor do crime, ou da vítima. Segundo a polícia, isso será investigado.

No local, algumas pessoas informaram à polícia que ouviram disparos de arma de fogo. Algumas falaram em 3 disparos, outras falaram em 4.

Populares ajudam IML na remoção do corpo

Populares ajudam IML na remoção do corpo

Dois peritos da Polícia Técnica estiveram no local para levantamento de dados e informações que, segundo o delegado, deverão ajudar nas investigações e tentativa de identificar o autor ou autores do homicídio.

Há informações policiais de que a vítima poderia estar envolvida com o uso de drogas e até mesmo a prática de furtos e roubos. Isso será verificado pelas polícias.

Abaixo clique em Like para compartilhar esta informação

Imagem desfocada por nossa produção

Imagem desfocada por nossa produção – corpo estava caído no mato

14

Abaixo clique em Like para compartilhar esta informação

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*

%d bloggers like this: