Quarta-feira, 28/ Outubro/ 2020
Veja as ultimas Noticias
Flagrante: Menor de 15 anos vendia drogas a outra também de 15, em Morrinhos, quando a polícia chegou! Isso é crime? Não, é ato infracional…

Flagrante: Menor de 15 anos vendia drogas a outra também de 15, em Morrinhos, quando a polícia chegou! Isso é crime? Não, é ato infracional…

Morrinhos está com medo. Como vamos fazer com tanta ousadia, furtos, roubos e tráfico? É a pergunta que o cidadão de bem está fazendo. Atos que antes eram vistos apenas nos grandes centros, pela TV, agora estão bem próximos de nós.

Duas meninas, jovens, garotas, adolescentes, mulheres, crianças (não sei bem como defini-las) fato é que elas foram presas pela Polícia Civil de Morrinhos.

Aliás, presas não! De acordo com o ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente, as duas jovens foram apreendidas. Com elas, alguns objetos também foram apreendidos.

Menores - 09

Ainda segundo ao ECA – elas são suspeitas de cometer um “ato infracional análogo ao tráfico de entorpecentes” – se tivessem maior idade seriam suspeitas de tráfico mesmo. Mas, nesse país, que ainda não completou 18 anos não comete crime – comete ato infracional análogo.

5

O flagrante aconteceu na tarde de quinta-feira, 12/11, próximo das 16 horas, em uma residência do Jardim América, em Morrinhos Goiás.

O delegado Ricardo Chueire informou que uma menor de 15 anos, estaria vendendo “crack” para outra menor, também de 15 anos.

Os policiais civis apuraram que o local era um PONTO DE VENDA DE DROGAS, sendo percebida intensa movimentação de usuários por ali – disse o delegado.

Durante as diligências, foram apreendidos: “crack”, balança de precisão, celulares, canivetes e dinheiro – de acordo com o delegado, provavelmente oriundo da venda de drogas.

Menores - 03

Ricardo Chueire explicou que durante a inquirição, uma das menores disse que havia comprado a droga da outra com o intuito de revender a substância entorpecente.

Após a finalização do Boletim de Ocorrência Circunstanciado as menores foram encaminhadas ao Conselho Tutelar de Morrinhos.

(Fonte: Ricardo Torres Chueire – delegado de Polícia Civil – chefe da 6ª DRP, com sede em Itumbiara)

Abaixo clique em Like e compartilhe esta notícia.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*

%d bloggers like this: