Quarta-feira, 19/ Fevereiro/ 2020
Veja as ultimas Noticias
Ripey passa bem e aguarda cirurgia no rosto a qualquer momento

Ripey passa bem e aguarda cirurgia no rosto a qualquer momento

As notícias atualizadas que chegam de Goiânia são animadoras para os amigos e familiares do Cabo PM Baltazar “Ripey” que se envolveu em um acidente de trânsito, na quinta-feira, 16/04, em Morrinhos e desde então segue internado em tratamento médico no Hospital de Urgências de Goiânia – HUGO. (Publicada às 10h55 de quinta-feira, 30/04)

Ele passa bem e aguarda nova cirurgia, desta vez na face, e que pode ser realizada a qualquer momento. Ripey tem fraturas na mandíbula e na maçã do rosto.

Após ele ter recebido uma bolsa de sangue, amigos tiveram a ideia de fazer uma mobilização para conseguir novos doadores e aumentar o estoque do Hospital, num gesto de agradecimento e solidariedade aos que possam vir a precisar de doações futuras.

Telefones de amigos e familiares foram disponibilizados para os interessados em ajudar neste gesto de amor ao próximo.

CIRURGIA NA PERNA FOI BEM SUCEDIDA

arte site4

Na segunda-feira, 27/04, “Ripey” finalmente foi submetido à cirurgia corretiva no Fêmur na perna direita. O procedimento aconteceu dentro do previsto com a colocação de uma pequena placa de platina, com os médicos anunciando que a cirurgia foi um sucesso.

RIPEY SE RECUPERA E AGUARDA CIRURGIAS

As mais recentes informações sobre o estado de saúde do Cabo Baltazar “Ripey” da Polícia Militar chegaram à nossa redação no início da manhã de segunda-feira, 20/04. (Publicada às 10h35 de segunda-feira, 20/04)

Na foto abaixo Ripey recebe a visita do Sargento Humberto do Batalhão Rodoviário, 1ª CIPM RV com sede Caldas Novas.

Hosp Gyn2

A cirurgia pela qual ele foi submetido na sexta-feira, 17/04 foi apenas para implantação de um pino na perna direita, através do qual alguns pesos foram fixados para que possam ajudar na preparação desta perna para a principal cirurgia, através da qual os ortopedistas farão a recuperação dos ossos que se quebraram no acidente de motocicleta que Baltazar sofreu na tarde de quinta-feira, 16/04 ao colidir-se contra um ônibus.

Ripey sofreu fraturas no fêmur da perna direita além de trauma no joelho e fraturas na face – maxilar (mandíbula); malar (maçã do rosto) e no nariz.

As cirurgias na face também ocorrerão no decorrer desta semana, assim como as que serão realizadas na perna.

Baltazar sente algumas dores, mas, segue medicado e se recupera bem, dentro do quadro ortopédico que requer muito cuidado e atenção.

Ripey está sempre cercado por familiares, amigos e por seus colegas de profissão. Continuamos acompanhando seu tratamento e torcendo por sua recuperação. 

CIRURGIA DE PREPARAÇÃO – A PRIMEIRA 

Nesta manhã de sexta-feira, 17/04, Baltazar “Ripey” passa por cirurgia para reconstrução do fêmur da perna direita, que foi fraturado em decorrência do acidente que sofreu. (Publicada às 09h05 de sexta-feira, 17/04)

Ele está bem! Consciente e conversando com médicos e familiares. A melhor notícia foi que ele NÃO sofreu Traumatismo Crânio Encefálico.

Baltazar perdeu entre 6 e 8 dentes, que se quebraram, teve cortes grandes nos lábios e muitos arranhões e pequenos cortes pelo corpo. Mas, todos foram suturados e ele vai se recuperar.

O fêmur está sendo operado nesta manhã de sexta-feira, e a cirurgia na face só poderá ser feita a partir de terça ou quarta-feira, 22/04, após término do inchaço no local.

Todos esses ferimentos são possíveis de serem tratados, por isso, digo que a quinta-feira, 16/04 terminou com boas notícias para os familiares e amigos de Baltazar “Ripey”, quando o TCE foi descartado.

Após o grave acidente ele foi transferido para o Hospital de Urgências de Goiânia com suspeita de Traumatismo Crânio Encefálico, e precisava dos exames em Goiânia para descartá-lo. Foi o que aconteceu, felizmente.

Sem o TCE, tudo fica mais fácil. Ripey mostrou-se forte, pois sofreu lesões graves na face e na perna direita.

VEJA MAIS SOBRE O CASO

(Publicada às 23h50 de quinta-feira, 16/04)

Bomb

As primeiras notícias que chegam de Goiânia são boas. Após passar pelas primeiras avaliações médicas, ficou descartado o Traumatismo Crânio Encefálico no Policial Baltazar José Menezes Júnior, o Cabo Ripey.

Os médicos do Hospital de Urgências de Goiânia dedicam atenção à face de Baltazer que sofreu grande trauma, com cortes e fraturas, além de dentes quebrados.

Daqui a pouco seremos informados se ele será transferido para hospital especializado em ortopedia, ou se seguirá internado no HUGO.

O Correio Sul Goiano segue buscando informações sobre o atual estado de saúde do jovem policial. As vezes elas podem demorar a chegar até você, mas é porque trabalhamos apenas com notícias oficiais, e elas as vezes demoram mesmo a chegar para a imprensa.

SAIBA MAIS SOBRE O ACIDENTE

(Publicada às 21h30 de quinta-feira, 16/04)

Faltavam 5 minutos para as 18 horas na tarde de quinta-feira, 16/04, quando um grave acidente na Rua Castro Alves, esquina com a Maestro Vicente José Vieira deixou gravemente ferido o Cabo da Polícia Militar Baltazar José de Menezes Júnior, mais conhecido como “Ripey”.

As primeiras informações são de que ele conduzia uma moto Honda Biz 125cc pela Rua Maestro Vicente José Vieira, quando no cruzamento com a Rua Castro Alves, não obedeceu ao sinal de PARE e chocou-se contra a lateral de um ônibus da empresa Sol de Verão que faz transporte de funcionários de outra empresa.

Baltazar usava um capacete com a vizeira aberta, equipamento que não conseguiu protegê-lo da forte pancada.

Ele feriu-se com gravidade tendo várias escoriações pela face, braços e multiplas fraturas no maxilar, com alguns dentes quebrados e um grande corte nos lábios, além de fratura no fêmur da perna direita, suspeita de fratura no joelho da mesma perna e suspeita de TCE, o qual só será confirmado ou descartado após exames no Hospital de Urgências de Goiânia – HUGO, para o qual ele foi transferido, por volta das 20h30, em UTI Móvel, com batedores da Polícia Militar Rodoviária, que seguiram na frente da ambulância para agilizar o transporte.

A moto que ele conduzia ficou completamente destruída. Baltazar foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros que rapidamente chegou ao local do acidente, sendo levado ao Hospital Municipal de Morrinhos, onde recebeu assistência médica, foi estabilizado e depois encaminhado para o HUGO. Equipe comandada pelo médico Hermann S. Dutra.

Baltazar Ripey tem 35 anos de idade, é casado, e é cabo da Polícia Militar do Estado de Goiás, lotado há algum tempo no Batalhão Rodoviário. Desportista, Baltazar tem muitos amigos e é querido por muita gente.

20150416_193406_LLS

O setor de emergência do Hospital Municipal de Morrinhos ficou cheio de pessoas amigas que souberam do acidente e foram ao local prestar sua solidariedade a Baltazar. Vários policiais militares e bombeiros também acompanharam o atendimento médico até a transferência de Ripey para Goiânia.

20150416_193432_LLS

Fica nossa oração para seu pronto restabelecimento. (Da redação, por Leonardo Costa, com colaboração de uma leitora que nos enviou foto do local do acidente via facebook)

Panela de Barro Site Novo - 01

Mercotintas Banner Site - 01

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*

%d bloggers like this: