Segunda-feira, 24/ Junho/ 2019
Veja as ultimas Noticias
Sequestro no Facebook: Tudo armação? Vítima foi presa suspeita de ser mandante do próprio sequestro transmitido ao vivo

Sequestro no Facebook: Tudo armação? Vítima foi presa suspeita de ser mandante do próprio sequestro transmitido ao vivo

Mulher que ficou sob a mira de um revólver enquanto era vítima de sequestro transmitido ao vivo pelo Facebook foi presa suspeita de ter armado tudo.

O delegado de Polícia Civil, Dr. Danilo Fabiano Oliveira prendeu a suposta vítima do sequestro na tarde deste sábado, 13/04/19, em Rio Verde, região sudoeste de Goiás.

ENTENDA O CASO

Na segunda-feira, dia 08/04, a mulher de 26 anos foi feita refém em um sequestro transmitido ao vivo pelo Facebook em Rio Verde. Ao final da ação, enquanto o suposto sequestrador se entregava à polícia, a suposta vítima atirou contra ele acertando de raspão o rosto do rapaz de 21 anos.

A reviravolta começou com as oitivas por parte da Polícia Civil junto aos envolvidos e outras pessoas que foram testemunhas do suposto sequestro, que durou próximo de três horas.

O delegado suspeita que ela seja a mandante do próprio sequestro e que a arma não disparou acidentalmente, como todos imaginaram no dia, e sim ela tentou matar o suposto sequestrador.

Ainda segundo o delegado responsável pelo caso, Dr. Danilo Fabiano Oliveira, depois do depoimento do suposto sequestrador e da colheita de provas, a polícia considerou que o sequestro pode ter sido falso.

A polícia solicitou a prisão da mulher por suspeita de falsa comunicação de crime e tentativa de homicídio.

O delegado não passou mais detalhes e informações, pois ainda aguarda a conclusão do laudo médico e da Polícia Técnico-Científica. Ele deve falar com a imprensa de forma coletiva na segunda-feira, dia 15 de abril.

Apesar de o delegado não adiantar detalhes da investigação, percebe-se que são fortes e claros os motivos que o levam a desconfiar que o sequestro foi forjado, tratando-se de uma ação falsa. Vamos aguardar a segunda-feira para ouvirmos o delegado, Dr. Danilo Fabiano Oliveira.

(Leonardo Costa, da redação do Correio Sul Goiano)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*

%d bloggers like this: