Segunda-feira, 26/ Julho/ 2021
Veja as ultimas Noticias
Precisava de dinheiro para a Pecuária: diz jovem flagrada em casa de programa

Precisava de dinheiro para a Pecuária: diz jovem flagrada em casa de programa

Há anos a PRF realiza, junto aos seus parceiros, um trabalho de prevenção e combate às situações da exploração sexual de crianças e adolescentes às margens das rodovias federais.

MORRINHOS: ROTA DA EXPLORAÇÃO SEXUAL

Morrinhos sempre foi um dos municípios onde muitos casos foram flagrados, especialmente por conta de vários estabelecimentos às margens da BR-153, onde muitos caminhoneiros buscam uma companhia, e acabam encontrando menores dispostas a fazer programas com remuneração, ou que são exploradas por pessoas de maior idade – às vezes até os pais das meninas ou meninos os dão em prostituição, em troca de uma ninharia em dinheiro – como já mostraram casos registrados pela PRF em anos passados.

O trabalho intenso da PRF e seus parceiros de Morrinhos conseguiram diminuir esses casos, mas, eles ainda existem, mesmo em escala menor.

JOVEM DE MORRINHOS É FLAGRADA EM CASA NOTURNA EM URUAÇU

PRF - 02

Na noite de quinta-feira, dia 14/05 e madrugada de sexta-feira, 15/05, a Polícia Rodoviária Federal em parceria com o Comitê de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas, a Polícia Militar e outros órgãos realizaram uma operação repressiva na cidade de Uruaçu, na região norte de Goiás, quando dez casas noturnas foram fiscalizadas.

Naquele município e outros da região existem muitas denúncias de exploração sexual. Em um desses estabelecimentos a PRF flagrou uma adolescente de Morrinhos.

Ela tem 17 anos e com a identidade de uma amiga, que já é de maior idade. A jovem morrinhense retirou a foto da amiga e colocou uma foto própria.

DINHEIRO PARA IR NA PECUÁRIA

Quando a polícia a indagou por que estaria ali, ela respondeu que “precisava de dinheiro para ir para a Pecuária”.

A garota ainda informou que já tinha feito um programa naquela noite. Ela foi conduzida para o Conselho Tutelar de Uruaçu e a dona do estabelecimento para a Delegacia.

O Conselho entrou em contato com os pais da jovem, em Morrinhos e contaram o acontecido.

Os pais da jovem disseram à polícia que estavam desesperados em busca da garota e que já desconfiavam que ela estivesse em Uruaçu, pois a dona do estabelecimento daquela cidade sempre liga na casa da jovem convidando-a par ir para Uruaçu – ação que os pais recriminam.

A mãe informou que ligou para a proprietária do estabelecimento, mas que essa mentiu dizendo que a menina não estava lá.

Após os contatos do Conselho Tutelar, a mãe se deslocou de imediato de Morrinhos para Uruaçu e buscou a filha.

Tudo leva a crer que fica caracterizado o delito de aliciamento de menor.

A PRF informou que esse é o sétimo caso desde o início do ano, até o dia 17 de maio.

(Fonte: Assessoria de Imprensa da Polícia Rodoviária Federal – Inspetor Fabrício Rosa e Estagiária Nara Tomas)

MAPEAMENTO DOS PONTOS VULNERÁVEIS À EXPLORAÇÃO SEXUAL

A PRF realiza, há doze anos, o Mapeamento dos Pontos Vulneráveis à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes no Brasil todo.

Nesse levantamento são localizados estabelecimentos às margens da rodovia onde não é recomendada a presença de crianças e adolescentes (alguns postos de combustível, restaurantes, casas noturnas e regiões de motéis, entre outros).

Após fazer o mapeamento, a PRF realiza operações naqueles pontos considerados mais sensíveis, onde já houve casos de exploração sexual, ou que há prostituição de adultos, casos anteriores de venda de drogas e grande concentração de homens.

A PRF realiza também palestras nas proximidades desses pontos críticos (escolas, igrejas) e também ações educativas como essa que ocorrerá na quarta-feira pela manhã, com a parceira do Vira-Vida.

PONTOS SÃO IDENTIFICADOS

No último mapeamento (2014) a PRF encontrou, nos 4 mil quilômetros de rodovias federais em Goiás, 175 pontos considerados vulneráveis à exploração sexual, número maior que no penúltimo levantamento, quando haviam 168 pontos.

Goiás ocupa hoje o 4º lugar no ranking nacional desse mapeamento. Entretanto, quando se fala de tráfico de mulheres, Goiás fica nas primeiras posições. No último levantamento, foram encontrados, no país, 1969 pontos.

PARCEIROS IMPORTANTES DA PRF

O Vira-Vida é um projeto do SESI que tenta retirar essas meninas e meninos dessa condição, ministrando-lhes cursos gratuitos, com acompanhamento psicossocial, onde os adolescentes recebem uma ajuda financeira para poderem abandonar essa situação. (Fonte: Assessoria de Imprensa da Polícia Rodoviária Federal – Inspetor Fabrício Rosa e Estagiária Nara Tomas)

SEMANA NACIONAL DE ENFRENTAMENTO À EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES

A semana entre os dias 17 e 23 de maio é marcada como a Semana Nacional de luta contra o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes.

Trata-se de uma referência ao dia 18 de maio de 1973, quando a menina Araceli Crespo, de 8 anos, foi brutalmente assassinada em Vitória-ES, depois de ter sido sequestrada quando saía da escola e mantida em cárcere privado por 6 dias.

Jovens de família influente da sociedade capixaba espancaram e estupraram a menina, que teve os dentes, seios, barriga e vagina dilacerados pela violência dos jovens.

Para tentar esconder o crime eles ainda jogaram ácido no corpo da criança antes de abandoná-lo nas proximidades de um hospital. Os agressores nunca foram punidos. (Fonte: Assessoria de Imprensa da Polícia Rodoviária Federal – Inspetor Fabrício Rosa e Estagiária Nara Tomas)

EVENTOS

Para enfatizar a importante semana, a Polícia Rodoviária Federal em parceria com vários outros órgãos que compõem a rede de atenção aos direitos da criança e do adolescente programaram uma série de eventos:

-18 de maio, das 06 às 07h30 – panfletagem e conscientização de pessoas no entroncamento da BR 153 com a Av. Anhanguera e no Terminal da Praça da Bíblia;

-18 de maio, períodos matutino e vespertino – seminário do Ministério Público de Goiás sobre o tema;

-18 de maio, à noite – seminário na PUC sobre o tema;

-19 de maio, o dia todo – panfletagem e conscientização de pessoas na Praça da Matriz de Campinas;

-20 de maio, das 08 às 12h – ato simbólico na região dos motéis, onde meninas/mulheres que foram exploradas sexualmente soltarão balões brancos como símbolo de luta pela paz (08h); adesivaço em estabelecimentos às margens da BR 153 (08h30 às 10h30); teatro no posto da PRF entre Aparecida e Hidrolândia (11h às 12h); (Fonte: Assessoria de Imprensa da Polícia Rodoviária Federal – Inspetor Fabrício Rosa e Estagiária Nara Tomas)

Mercotintas Banner Site - 01

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*

%d bloggers like this: