Sexta-feira, 1/ Julho/ 2022
Veja as ultimas Noticias
Morre o soldado vítima de atropelamento, quando um caminhão bateu em viaturas da PM, em Catalão

Morre o soldado vítima de atropelamento, quando um caminhão bateu em viaturas da PM, em Catalão

Faleceu o soldado Marcelo Nunes Oliveira, de 33 anos, um dos seis feridos em decorrência do grave acidente que envolveu duas viaturas da Polícia Militar, em Catalão na madrugada de sábado, 20/08/16.

Acidente Catalão - 02O Soldado Marcelo foi quem sofreu os ferimentos mais graves sendo encaminhado ao Hospital Nasr Faiad, onde recebeu atendimento emergencial e em seguida foi transferido no helicóptero do SAMU e Corpo de Bombeiros para o Hospital de Urgências de Goiânia. Ele teve uma das pernas esmagada pela colisão e foi submetido a cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos em morreu na tarde de domingo, 21/08/16.

Além dele, os demais policiais vítimas do acidente são: Sub Tenente Mauro Oliveira Batalha, de 41 anos; Sargento Índio Cláudio Miranda, de 39 anos e Cabo Roberli Gonçalves Noronha, de 38 anos.

O QUE ACONTECEU

Era próximo das 03h30 da madrugada de sábado, 20 de agosto, quando as equipes da PM, em duas viaturas atendiam uma ocorrência na margem da GO 210, entre Catalão e Goiandira.

Os policiais abordaram um motociclista em atitude suspeita e já estavam finalizando a ocorrência, com a detenção do suspeito, colocando-o na viatura, quando um caminhão que seguia pela rodovia, no sentido Catalão para Goiandira acertou em cheio as viaturas que estavam estacionadas no acostamento.

O Corpo de Bombeiros e o SAMU se dedicaram com vários profissionais para realizar o atendimento aos feridos.

VÍTIMAS DE FERIMENTOS

Ao todo seis pessoas ficaram feridas, sendo os quatro policiais militares, o suspeito que acabara de ser detido e a mulher do caminhoneiro que viajava no banco do passageiro do caminhão. O caminhoneiro não sofreu ferimentos e foi liberado logo após ser constatado que ele não tinha ingerido bebida alcoólica e estava com toda a documentação correta.

Acidente Catalão - 01VERSÕES

O motorista do caminhão relatou que os carros da polícia estavam estacionados na contramão de direção, no acostamento, com a sirene desligada e os faróis altos. Ele afirma que teve a visão ofuscada pelos faróis e acabou batendo nos carros.

Já o comando da PM em Catalão informou que o procedimento adotado pelos policiais foi o procedimento padrão da corporação no atendimento de ocorrências e emitiu nota oficial sobre o assunto. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

NOTA DA POLÍCIA MILITAR

Na tarde de sábado, 20/08, o Tenente Leandro Borges do 18º Batalhão de Polícia Militar de Catalão divulgou uma nota de esclarecimento sobre o acidente ocorrido na madrugada. O documento informa que os PM’s realizavam a abordagem do lado direito da via, obedecendo a mão correta de direção, com o sinal luminoso das viaturas ligado.

Leia a Nota emitida pelo 18º BPM

Na madrugada deste sábado, 19/08/2016, a PM realizava abordagem a um indivíduo em situação suspeita na GO 210, aproximadamente às 03h30m, sentido Catalão-Goiandira, quando o motorista de um caminhão perdeu o controle e atropelou os PM’s, bem como o indivíduo que era abordado.

Um Subtenente PM e um Sargento PM sofreram escoriações leves.

Um Cabo PM fraturou uma costela, mas segue bem.

Um Soldado PM sofreu lesão grave na perna esquerda e foi removido em estado grave ao HUGO, através da aeronave do Corpo de Bombeiros, e segue sendo tratado.

A Polícia Civil e a Polícia Técnico Científica compareceram no local.

O condutor do veículo foi encaminhado à Delegacia de Polícia e ouvido pelo Delegado.

Os PM’s realizavam a abordagem do lado direito da via, obedecendo a mão de direção, com o sinal luminoso da viatura ligado.

Fonte: Blog do Badiinho, O Popular e G1-GO. 

 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*