Sábado, 21/ Abril/ 2018
Veja as ultimas Noticias
Homicídio em Morrinhos: Homem executa o outro com tiro na cabeça por ciúmes, segundo testemunhas!

Homicídio em Morrinhos: Homem executa o outro com tiro na cabeça por ciúmes, segundo testemunhas!

O Correio Sul Goiano apurou que a madrugada de domingo 10/12/17, começou com o registro de um Homicídio em Morrinhos.

Foi no meio rural, em uma fazenda na região Serra, de propriedade de Adomervil.

a-astek

Testemunhas contaram para a Polícia Militar que um homem executou o outro, sem dar-lhe chances de defesa.

Nosso repórter descobriu que de acordo com os relatos das testemunhas havia um grupo de pessoas amigas na fazenda, confraternizando no final de semana.

domsO Correio Sul Goiano apurou que entre este grupo de amigos estava Luciana Maria Jesus Silva, que é esposa do suspeito do homicídio.

Ele é Márcio Adriano Gomes da Silva e não foi para a confraternização junto com a esposa.

Testemunhas contaram que no decorrer da noite Márcio Adriano Gomes da Silva apareceu de repente, vindo do quintal e surpreendendo a todos.

As pessoas que estavam presentes contam aos policiais militares que Márcio se aproximou da vítima, sacou uma arma de fogo e disse: “vou te ensinar como mexer com mulher dos outros” e imediatamente disparou contra a cabeça de Dangalryston Daniel Almeida, que se dirigia a um veículo que estava ali próximo para regular o som. No trajeto entre a mesa e o carro ele foi abordado e executado, sem nem mesmo entender o que estava acontecendo.

Sabor Natural Para Site

Após executar Dangalryston com um tiro na cabeça, Márcio imediatamente apontou a arma para as outras pessoas que ali estavam e correu em direção à sua esposa, Luciana Maria Jesus Silva, que por sua vez correu para o interior da casa e se escondeu.

Mercotintas Banner Site - 02Com a arma na mão Márcio também entrou na casa e procurou pela esposa, mas não a encontrou.

Após algum tempo ele desistiu de procurá-la e evadindo-se do local tomando rumo ignorado.

O Correio Sul Goiano ainda descobriu que as testemunhas também relataram que a vítima Dangalryston Daniel Almeida não conhecia o suspeito e muito menos a sua esposa dele, a Luciana.

Foi a primeira vez que Dangalryston foi naquela fazenda, segundo as testemunhas. Dangalryston morreu no local, sem chances de ser socorrido, com um tiro fatal na cabeça.

Posto Gil2A Polícia Militar foi acionada e a Polícia Técnico Científica também.

Os policiais realizaram o trabalho de perícia e recolheram dados e informações que serão usados para confecção de Laudo posteriormente.

Em seguida os técnicos do IML fizeram a remoção do corpo.

A PM realizou diligências, mas até a manhã deste domingo, 10/12/17, não havia localizado o suspeito da execução.

Nossa equipe de reportagem ainda tenta obter fotos dos envolvidos, mas ainda não tivemos acesso a nenhuma imagem.

Da redação, por Leonardo Costa, com informações da Polícia Militar, 10ª CIPM – Morrinhos – a quem agradecemos pela gentileza e colaboração.

Retifica União de Motores Fera

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*

%d bloggers like this: