Quarta-feira, 22/ Novembro/ 2017
Veja as ultimas Noticias
GO-213… Novos trechos da duplicação são liberados sem a devida sinalização horizontal e usuários clamam por respeito
Trecho da rodovia liberado sem sinalização adequada

GO-213… Novos trechos da duplicação são liberados sem a devida sinalização horizontal e usuários clamam por respeito

Num flagrante desrespeito ao usuário e à legislação, vários trechos recapeados da GO-213 continuam sem a sinalização adequada no asfalto entre Morrinhos e Caldas Novas. Acidentes são registrados no trecho e muitos usuários reclamam da situação, que permanece e perdura por longo tempo.

Os trechos recapeados tem aproximadamente TRÊS anos e desde sua recuperação foram liberados sem jamais terem sido sinalizados com faixas no asfalto, num flagrante desrespeito à legislação:

De acordo com Artigo 88 do Código de Trânsito Brasileiro, “Nenhuma via pavimentada poderá ser entregue após sua construção, ou reaberta ao trânsito após a realização de obras ou de manutenção, enquanto não estiver devidamente sinalizada, vertical e horizontalmente, de forma a garantir as condições adequadas de segurança na circulação.”

As reclamações dos usuários não surtem efeitos. Agora, além desses trechos recapeados também tem os novos que foram construídos durante a duplicação da via, e que foram liberados para o tráfego da mesma foram – sem a devida sinalização das faixas no asfalto.

Estudantes de Morrinhos, Rio Quente e Caldas Novas vão e vem de uma cidade para outra, durante a noite, onde o perigo aumenta ainda mais. Quando o farol do veículo que vem em direção contrária atinge seus olhos, você simplesmente fica sem referências, pois não há faixas no solo e muito menos os tachões para te ajudar a se guiar.

O número de acidentes só não é maior porque os condutores têm se mostrado prudentes e dirigindo com velocidade moderada, conforme exige a direção defensiva. Que Deus nos abençoe a todos!!!

APÓS DENÚNCIAS, ACIDENTES E VÍDEOS COM DENÚNCIAS NA INTERNET, TRECHO COM BRITA SOLTA FOI INTERDITADO PARA LIMPEZA DO ASFALTO

No final da tarde de sexta-feira, 07/10/16, após veiculação de matéria aqui em nosso site, lá na coluna que escrevo para o Jornal do Peninha, e especialmente após acidentes e alguns vídeos publicados por usuários na internet, denunciando irregularidades, finalmente um trecho recém asfaltado da GO-213, que havia side liberado para o tráfego, sem a devida sinalização de trânsito e com britas soltas, foi então interditado.

Não há faixas de sinalização no Asfalto

Não há faixas de sinalização no Asfalto

Na manhã de sábado, dia 08/10, o nosso redator esteve no local e encontrou com operários da empresa responsável pela duplicação da via, quando eles ainda instalavam algumas placas de sinalização.

Elas informavam o fim do trecho duplicado e também que determinado trecho da GO-213 passava a ser de tráfego em mão dupla.

Não há faixas de sinalização no Asfalto

Não há faixas de sinalização no Asfalto

Tal trecho fica pouco adiante do trevo de acesso à cidade de Água Limpa, no sentido Morrinhos para Caldas Novas, e que havia sido liberado para o tráfego sem a devida sinalização, com depressão na pista, em certo ponto e ainda com muitas britas soltas no asfalto.

Acidentes aconteceram e usuários publicaram fotos e vídeos na internet para denunciar a falta de sinalização no local e as condições inadequadas da pista para o tráfego.

Desnível e brita solta no asfalto sem faixas

Desnível e brita solta no asfalto sem faixas

É importante dizer que outros trechos da GO-213, entre Morrinhos e Caldas Novas ainda seguem sem a sinalização no asfalto que foi “recapeado”.

Esses locais ficam muito perigosos sem as faixas no chão, especialmente à noite. Esses já estão liberados para o tráfego há mais de dois anos. Eles precisam ser sinalizados urgentemente.

Não há faixas de sinalização no Asfalto

Não há faixas de sinalização no Asfalto

Importante salientar também, que todos nós queremos a liberação de novos trechos da pista para o tráfego, porém, com a devida sinalização. Ninguém é contra novos trechos serem colocados à disposição do usuário, pelo contrário, cobramos esta duplicação há anos, mas, queremos que cada trecho ao ser disponibilizado para o tráfego esteja com devida qualidade do asfalto, sem brita solta e com a devida sinalização. As coisas têm que ser feitas da maneira correta, e é só isso que queremos.

Fonte e Fotos: Leonardo Costa – Publicada no sábado, 08/10/2016

Veja também: 

IRRESPONSABILIDADE!!! GO-213, se você trafega por ela está sendo aventureiro e irresponsável, trecho Morrinhos a Caldas Novas

Trecho da rodovia liberado sem sinalização adequada

Trecho da rodovia liberado sem sinalização adequada

É minha a irresponsabilidade a qual me refiro! Ao menos duas, ou até três vezes por semana, pego o meu carro e dirijo-me a Rio Quente ou Caldas Novas a trabalho.

Acontece que a GO-213, que liga Morrinhos a estas duas cidades está em situação terrível, há mais ou menos dois anos, por motivos diversos.

Antes era a falta de manutenção e os incontáveis buracos, agora a falta de sinalização adequada em trechos que foram construídos ou recapeados e liberados para o tráfego, sem serem sinalizados.

É preciso que os condutores tenham atenção redobrada nesta rodovia.

jornal-01

Foto de 2015 – considerado “o ano do abandono”

AVENTURA TOTAL

É mesmo uma aventura trafegar pela GO-213, nos últimos dois anos. Considero que trafegar nesta rodovia é um ato que beira a irresponsabilidade.

Sim senhores, eu, você, cada um que se atreve a usar esta rodovia comete um ato que beira a irresponsabilidade, porque você entra nela e literalmente coloca a sua vida em risco – a sua e a dos demais usuários.

DIFERENTES PROBLEMAS

Antes, o problema maior era a grande quantidade de buracos, que por meses, em 2015 causou revolta aos usuários, especialmente pelo descaso das autoridades responsáveis, por não tomarem as providências em tempo hábil.

jornal-08

Foto de 2015 – considerado “o ano do abandono”

Os jornais das cidades desta região, as rádios e os sites de notícias noticiaram dezenas de acidentes, com vários feridos, e até mortes. Pessoas de Morrinhos morreram nessa rodovia.

PREFEITURAS AGIRAM

A via que deveria estar duplicada até dezembro de 2014 tornou-se um “queijo suíço”. Com o passar de um semestre inteiro em 2015, sem a devida manutenção, os buracos tomaram conta da GO-213, entre Morrinhos e Caldas Novas.

ACIDENTES E MORTES

Com tantos acidentes e reclamações, e com a pista quase que intransitável, as Prefeituras tiveram que tomar providências, assumindo assim, a responsabilidade de quem de fato deveria cuidar da manutenção da rodovia.

Com isso, os buracos diminuíram, mas a pista ficou cheia de irregularidades e depressões. É que, limitadas pela legislação e os altos custos, as prefeituras realizaram apenas a operação “tapa buracos”, o que resultou em um asfalto irregular e perigoso – porém, menos ruim que antes, pois os buracos foram tapados pelas prefeituras de Morrinhos, Caldas Novas e Rio Quente.

go-213-09DUPLICAÇÃO

As obras de duplicação, que deveriam ter sido concluídas em dezembro de 2014, conforme anunciado em diversas entrevistas para rádios, jornais e emissoras de TV, foram suspensas, sem muita explicação. À época não houve entrevistas para dar satisfação ao cidadão do porque da paralisação das obras. Elas simplesmente foram interrompidas, por um período de dois anos, e apenas no início do segundo semestre de 2016 foram retomadas. Novamente sem muitas informações para as comunidades de Morrinhos, Caldas Novas e Rio Quente.

Foto de 2015 - considerado "o ano do abandono"

Foto de 2015 – considerado “o ano do abandono”

Com a suspensão da obra de duplicação, ao final de 2014, a manutenção da rodovia também parou e o asfalto ficou todo esburacado.

Agora, com a retomada das obras de duplicação, a quantidade de caminhões, máquinas pesadas e trabalhadores na pista torna o trânsito ainda mais difícil e complicado, exigindo muito mais atenção dos motoristas. Mas, finalmente a duplicação foi retomada, para alegria dos usuários.

FALTA DE SINALIZAÇÃO

Mas, o grande número de máquinas e caminhões na pista não é o maior problema enfrentado pelos usuários da referida via.

foto-03A falta de sinalização adequada na rodovia GO-213, na maior parte do trecho entre Morrinhos e Caldas Novas beira o absurdo.

Há anos existem trechos que foram recapeados e que absurdamente foram liberados para circulação e tráfego, sem a devida sinalização – o que é totalmente contrário à legislação de trânsito vigente no Brasil. São vários trechos onde a visibilidade é muito ruim, e à noite torna-se extremamente perigoso para quem trafega no local.

De acordo com Artigo 88 do Código de Trânsito Brasileiro, “Nenhuma via pavimentada poderá ser entregue após sua construção, ou reaberta ao trânsito após a realização de obras ou de manutenção, enquanto não estiver devidamente sinalizada, vertical e horizontalmente, de forma a garantir as condições adequadas de segurança na circulação.”

foto-01FOTOS MOSTRAM PISTA LIBERADA PARA TRÂNSITO SEM A DEVIDA SINALIZAÇÃO

Pois bem, em vários trechos da GO-213, este fundamental artigo do CTB não é observado.

Tais trechos deixam o trânsito muito perigoso, especialmente à noite, quando a via sem a devida sinalização fica perigosíssima.

Uma irresponsabilidade sem tamanho dos que usam esta via, colocando em risco sua própria vida e a dos outros também.

ABAIXO VEJA OUTRAS FOTOS DA RODOVIA NOS ÚLTIMOS 03 ANOS

Trecho sem sinalização é liberado para o tráfego de veículos

Trecho sem sinalização é liberado para o tráfego de veículos

go-213-10

Foto publicada em 2015, à época da paralisação da duplicação da via

Carros perdiam calotas, quebravam rodas e tinham outros problemas mecânicos

Em 2015, carros perdiam calotas, quebravam rodas e tinham outros problemas mecânicos…

Foto de 2015 - considerado "o ano do abandono"

Foto de 2015 – considerado “o ano do abandono”

Foto de 2015 - considerado "o ano do abandono"

Foto de 2015 – considerado “o ano do abandono”

Foto de 2015 - considerado "o ano do abandono"

Foto de 2015 – considerado “o ano do abandono”

Foto de 2015 - considerado "o ano do abandono"

Foto de 2015 – considerado “o ano do abandono”

Foto de 2015 - considerado "o ano do abandono"

Foto de 2015 – considerado “o ano do abandono”

Foto de 2015 - considerado "o ano do abandono"

Foto de 2015 – considerado “o ano do abandono”

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*